20 novembro, 2007

RENANCIANDO

Brincadeiras à parte, o acusado das mais diversas falcatruas e presidente licenciado do senado federal deve renunciar esta semana para evitar a cassação. As especulações ficaram fortes desde o último fim de semana, pois o Planalto tenta negociar a renúncia para aprovar a prorrogação da CPMF. Renan ainda teria ameaçado alguns senadores donos de meios de comunicação que, caso seja cassado exporia outros casos semelhantes. Pelo visto ele aprendeu bem com o PT.

A imprensa nacional está divulgando que existe uma operação chamada “acordão” para salvar o mandato de Renan e ao mesmo tempo aprovar a CPMF.

BRAVATEANDO

Depois do por que no te callas que levou do rei Juan, o presidente da Venezuela Hugo Chávez anda bravateando pelo mundo afora, com o apoio do seu novo aliado, o líder iraniano Mahmoud Ahmadinejad, que o preço do barril do petróleo chegará a duzentos dólares, caso os EUA ataquem o Irã ou a Venezuela. A dupla “sensação” do momento ainda defende que o preço do petróleo não seja mais negociado em dólar, pois este é prejudicial aos exportadores. Não sei até que ponto a sandice do amigo do Lulla vai, mas é bom abrir os olhos, ainda mais agora que não está mais sozinho.

MERCOSUL
O Lulla encontrou-se com a presidente recém eleita Cristina Kirchner que conseguiu promessas de comércio bilateral e de investimentos no setor energético. Na reunião, o presidente disse que é fundamental a parceria da Petrobrás com a Enarsa, principalmente no que diz respeito à exploração das águas profundas.
E eis que o nosso presidente deu mais uma das suas no sul do país: confundiu a nacionalidade dos alemães com espanhóis.
POBRE CHINÊS
A prefeitura de São Paulo resolveu apertar o cerco contra o chinês Law Kim Chong e seus “galpões” na área central. Segundo o subprefeito, a fiscalização não é por conta da pirataria, mas sim por licenças de funcionamento e alvarás sanitários. Law, que continua preso na Polícia Federal por contrabando, descaminho, evasão de divisas entre outras coisas, vai ter que dar muitas explicações à justiça dessa vez. Na última segunda-feira, foi o maior corre-corre e mais de duzentas lojas foram fechadas em menos de quinze minutos. Haja perna.

FAMOSO
O prefeito de Campo Grande Nelson Trad ficou famoso neste domingo ao aparecer no programa Fantástico da Rede Globo. O caso de discriminação das professoras teve repercussão nacional e depende agora de uma decisão judicial para que tenha o desfecho esperado por ambas, pois espera receber uma indenização de meio milhão de reais.
IPVA
O Governador André Puccinelli enviou um projeto de lei à Assembléia Legislativa para “corrigir” a tabela do IPVA. Segundo a justificativa do secretário de fazenda, Gilberto Cavalcante, “Se a lei for mantida, a vantagem para as empresas locais diminui. Com essa redução da alíquota externa as empresas correm risco de perder mercado consumidor e o número de pessoas que compra veículos em outros estados, o que já foi hábito antigamente, deve voltar a crescer”. A medida visa proteger o mercado interno de veículos novos e usados.

CÂMARA

A movimentação em torno da eleição da nova mesa diretora da Câmara promete reviravoltas. A disputa na base do executivo acontece porque haveria um “acordo” de que cada um seria presidente por um ano, sendo que no próximo ano seria a vez de Landolfo Antunes. Fiquei sabendo que a vereadora Dulce Manosso não abre mão, porém não conta com os votos que achava que tinha. Lando, também não abre mão e afirma ter votos para a disputa que promete muito e quem poderá decidir será Chico Gimenez, opositor ferrenho do executivo. Quem seria o felizardo a ter o voto do Chico, Dulce ou Landolfo? well, eu sei, mas não conto.
Ocorreu um erro neste gadget
Pesquisa personalizada

TeleMessage SMS Sender